• standard blog post with image

    Fast-Seinco: 6 anos de uma parceria disruptiva para o saneamento

    Em outubro de 2015, a Fast Tecnologia Industrial e a uruguaia Seinco firmaram uma parceria que está revolucionando os rumos do saneamento na América Latina. A joint venture comemora 6 anos somando inúmeros avanços e um amplo portfólio de obras, entre as quais estão algumas das mais modernas do Brasil e do mundo.

     

    Com mais de 30 anos de experiência no setor, o diretor da Seinco, Francisco Gross, salienta que o objetivo do empreendimento conjunto foi potencializar e complementar as expertises entre sua empresa e a Fast. Visando o longo prazo, a convergência das habilidades das companhias se deu com a Fast oferecendo fabricação de equipamentos de alto padrão e soluções no setor de desaguamento de lodo e flotação por ar dissolvido, e a Seinco no âmbito da combinação de tratamentos físico-químicos e biológicos de água, esgoto e resíduos industriais, bem como do tratamento completo especial para obtenção de água potável. Além disso, está na vanguarda de algumas tecnologias, como a clarificação na flotação por ar dissolvido, os tratamentos biológicos e o tratamento integrado do lodo, visando digestão, desaguamento e secagem térmica. Soluções de alto padrão, muito compactas e com elevado nível de automação.

     

    Ao longo desses seis anos trabalhando em conjunto, a parceria Fast-Seinco tem obtido grande sucesso no setor. Atendendo empresas de grande porte, como Sabesp, Sanepar, Casan, Corsan, companhias estaduais e municipais, serviços autônomos, operadoras privadas do setor de água e esgoto, como Grupo Águas do Brasil, Grupo Iguá e Grupo Solvi, além das agroindústrias, com as quais a Fast tradicionalmente se desenvolveu. Todas essas são empresas de reconhecido prestígio nos seus respectivos segmentos.

    Na linha de soluções, que tem resolvido de forma bem-sucedida antigas problemáticas ambientais, se destacam as Estações de Tratamento de Esgoto de Canasvieiras, em Florianópolis. No interior catarinense temos as ETEs de Lauro Muller, Forquilhinha, Braço do Norte e Canoinhas. No Paraná há a ETE Cominese, em Paranaguá e, na região oeste do estado, as ETEs de Toledo e Guaíra. Outras três estações de altíssimo padrão tecnológico com tratamento terciário entre os mais avançados do mundo são a ETE Santa Terezinha, em Canela/RS, a ETE Ávila, em Gramado/RS, e a ETE Barracão, em Bento Gonçalves/RS, além das Estações de Tratamento de Água Debossan, em Nova Friburgo/RJ, e Lagoa do Peri, em Florianópolis/SC. Essas obras, que já estão em operação, serão acompanhadas por novas, cujos projetos iniciaram neste ano junto à Sabesp para o audacioso Programa Novo Rio Pinheiros, que visa a revitalização do Rio Pinheiros e do Rio Tietê, em São Paulo.

    A vantagem tecnológica das soluções promovidas pela Fast-Seinco radica na utilização de processos muito intensivos e eficientes, como são a clarificação por flotação por ar dissolvido e a combinação de processos físico-químicos e biológicos de biofilme, o que permite reduzir o tamanho relativo das instalações a menos de 1/3 das soluções convencionais. Aliás, isso permite um alto nível de pré-fabricação das instalações através da utilização de materiais nobres, como o aço inox, com ganhos significativos em termos de custos e menores prazos de execução.” – Descreve Francisco Gross.

     

    A Fast-Seinco projeta para os próximos anos crescimento nos mercados brasileiro e internacional, provendo tecnologias cada vez mais competitivas e eficientes para atender às demandas dos setores público e privado, com acesso a soluções com menores impactos ambientais.

     

    Quer saber mais sobre as obras de saneamento padrão Fast-Seinco? Conheça a ETE Santa Terezinha, em Canela, que beneficia uma população de mais de 43 mil habitantes, tratando um dos principais efluentes da Bacia do Caracol: clique no link. Confira também o desafio de executar uma grande obra de saneamento de altíssima produtividade em 5 meses: clique para conhecer a ETE de Toledo.